Qual o lucro de uma sorveteria? Entenda quais os ganhos no ramo

lucro de uma sorveteria

Muitos empreendedores almejam abrir a sua própria sorveteria, mas não sabem qual é o lucro do negócio no ramo. 

Essa é uma informação volátil, já que o lucro de uma sorveteria dependerá do quanto o empreendedor vende diariamente, mensalmente e até anualmente. 

Além disso, o lucro de uma sorveteria pode aumentar ou diminuir conforme os investimentos do empresário. 

Portanto, para saber o lucro de uma sorveteria, é necessário se atentar a diversos fatores, como saber o tamanho do porte da empresa: se é grande ou pequeno. 

Sabendo essa informação, você consegue montar um parâmetro do lucro de uma sorveteria, seja mensal, diário ou anual. 

Com o objetivo de auxiliar o empresário, a Gela Boca, neste artigo, mostrará, detalhadamente, qual é o lucro de uma sorveteria e como calculá-lo. 

Veja também: como abrir uma franquia

Qual o lucro líquido de uma sorveteria? 

Antes de montar uma sorveteria, é muito importante que o empreendedor saiba quanto que será o lucro do negócio.

Essa informação é necessária para montar um parâmetro se o ramo de atividade está indo bem ou não. 

No entanto, no caso da sorveteria, é um ramo que dá um bom retorno — principalmente no Brasil. As pessoas, diariamente, consomem picolés, sorvetes e outros produtos gelados

Por isso, a margem de lucro de uma sorveteria fica, em média, na faixa dos 30% a 40%. Porém, é importante ressaltar que essa é somente uma estimativa. 

O lucro de uma sorveteria dependerá muito da onde ela estiver localizada, do porte, da qualidade dos produtos e outros fatores. 

Por exemplo, em uma sorveteria de pequeno porte em um bairro pequeno, o empreendedor consegue faturar aproximadamente R$ 5 mil por mês. Descontando os gastos mensais com o estabelecimento, o empresário consegue lucrar até R$ 2 mil. 

Ou então, se o empresário decidir montar uma sorveteria de grande porte, em um local movimentado. Ele pode alcançar, em média, o lucro total  de R$ 40 mil a R$ 50 mil. Retirando as despesas mensais, é possível obter um lucro final de até R$ 12 mil. 

Como o sorvete, geralmente, é consumido em dias quentes, quando chega o inverno, as vendas podem diminuir. Por isso, é importante sempre ficar preparado para momentos como esse. 

Se você quer dar o pontapé inicial para abrir a sua sorveteria e lucrar muito bem com o seu negócio, você pode contar com a franquia Gela Boca. 

Aqui, nós temos os melhores produtos para você abrir a melhor franquia de sorvetes na sua cidade. Entre em contato com nosso time especializado para mais informações! 

Como calcular o lucro de uma sorveteria? 

O preço de venda dos sorvetes é influenciado por inúmeros fatores. Em geral, os empresários pensam que é só adicionar um percentual sobre o preço de custo e a diferença é equivalente à margem de lucro. Porém, o cálculo não é tão simples quanto se pensa. 

Antes de realizar o cálculo, devemos considerar os custos que a empresa arca mensalmente, tanto atrelados à compra e estocagem de produtos quanto à administração da empresa, como aluguel, luz, telefone, publicidade e outros. 

Para facilitar o cálculo do lucro de uma sorveteria, você pode pensar que toda empresa possui dois tipos de custo: os fixos e os variáveis. 

  • Custos fixos: são custos que não variam de acordo com as vendas dos produtos. Por exemplo, o aluguel, a luz e a água são considerados custos fixos, já que o empreendedor deverá pagá-los todos os meses, sem exceção. 
  • Custos variáveis: estes se mantêm fixos para cada unidade, mas podem aumentar conforme com a quantidade vendida. São considerados custos variáveis despesas administrativas, como salário de funcionários, comissão de vendas, logísticas, reembolso e outros. 

Identificação de custos fixos de cada produto

Para realizar o cálculo do lucro de uma sorveteria, você deverá identificar o percentual de custos fixos de cada produto. 

Para isso, você poderá utilizar dados anteriores, caso a empresa já tenha existido. 

No entanto, caso seja nova, o ideal é realizar uma estimativa e estabelecer uma meta para alcançar o mais próximo possível da realidade. 

O cálculo é o seguinte: percentual de custos fixos = (volume anual de despesas fixas ÷ total anual de vendas) x 100.

Por exemplo, imagine que uma empresa tenha R$ 5 mil de despesas fixas e fature R$ 40 mil por mês. No final do ano, eles terão um custo fixo total de R$ 60 mil e R$ 480 mil de faturamento. 

Ou seja, o percentual de custo fixo = (60.000 ÷ 480.000) x 100 = 12,5%. Isso significa que 12,5% do faturamento da empresa são voltados para o pagamento dos custos fixos. 

Quanto vou gastar para abrir uma sorveteria? 

custos para abrir uma sorveteria

O quanto você gastará na construção de uma sorveteria dependerá de diversos fatores, como tamanho, estoque, máquinas, aluguel e outros. 

De início, é importante que você saiba o quanto estará disposto a investir no seu negócio. Caso você não tenha muito capital disponível, com R$ 3 mil a R$ 5 mil, você já consegue abrir uma pequena sorveteria. 

No entanto, será necessário muito foco no seu objetivo para que o capital seja suficiente para abrir o pequeno negócio da melhor forma possível. 

Porém, se você tiver um bom dinheiro para investir na sua sorveteria, é possível montar algo mais estruturado. Se esse for o seu caso, opte por máquinas e produtos de alta qualidade. 

O que é preciso para abrir uma sorveteria? 

O mais importante para abrir uma sorveteria é ter planejamento financeiro, sem ele não é possível ir a lugar nenhum. 

Realizando um bom planejamento, você conseguirá alcançar seus objetivos da melhor maneira possível e abrir sua sorveteria economizando seu capital. 

Porém, para abrir uma sorveteria, tem que ir muito além disso. Por isso, separamos o que é necessário, especificamente, para abrir uma sorveteria com muito sucesso. Confira! 

Monte um plano de negócios

Diferentemente do planejamento financeiro, o plano de negócio é a estratégia inicial para o início de qualquer empreendimento, seja ele qual for. 

Por isso, em um plano de negócio, coloque seus objetivos, o capital disponível para investimento, gastos e outras informações importantes para começar seu empreendimento. 

Estude a concorrência 

Para você ter um negócio de sucesso, a chave é estudar a concorrência. Desta maneira, você conseguirá saber quais são os diferenciais necessários para montar sua empresa. 

Por exemplo, o que o seu concorrente não tiver, você pode começar a aplicar no seu negócio. Além disso, você também poderá estabelecer seus preços de acordo com seu concorrente. 

Escolha uma boa localização para a sorveteria 

Escolher uma boa localização para o seu negócio é um dos pontos mais importantes para ter ótimos resultados. 

Portanto, faça uma pesquisa de localização e escolha um ponto que tenha bastante movimentação. 

Se você optar por lugares escondidos e sem a presença de consumidores, muito provavelmente, o seu negócio não irá alavancar. 

Cuide das exigências legais 

o que é preciso para abrir uma sorveteria

Pagar os impostos pode ser um pesadelo para alguns empreendedores, mas sempre fará parte do cotidiano de um empresário. 

Por isso, é mais do que importante cuidar das exigências legais do seu negócio. Desta maneira, você ficará em dia com o governo e não precisará fechar suas portas. 

Então, antes de tudo, fique de olho nas tributações e taxas do seu negócio e pague-as em dia, para que o seu negócio continue crescendo. 

Capacite seus funcionários 

Em uma sorveteria, você não precisa ter uma grande cartela de funcionários. Com poucos colaboradores, já é possível tocar uma sorveteria. 

No entanto, você precisa optar por funcionários capacitados, que agregarão valor ao seu negócio. Você deve estar se perguntando: “Mas, como eu faço isso?”. 

É simples, basta você contratar funcionários que tenham uma boa habilidade de comunicação e que sejam gentis. Deste modo, eles conseguirão captar mais clientes para sua sorveteria. 

Isso porque o atendimento é a chave do sucesso para qualquer empreendimento. 

Tenha bons fornecedores

Oferecer bons produtos para os clientes é obrigatório em estabelecimentos alimentícios, inclusive em sorveterias. 

O sorvete será o produto principal a ser comercializado, portanto, ele deve ser o melhor entre toda a concorrência. 

Portanto, sempre abasteça o seu estoque com fornecedores que tenham produtos de alta qualidade e com ótimas fórmulas. 

Quanto menor a qualidade de seus produtos, menos clientes visitarão a sua sorveteria. Agora, quanto maior a qualidade dos produtos, mais clientes você ganhará e ainda poderá ser destaque entre os concorrentes. 

Ofereça opções diferenciadas aos seus clientes 

O consumidor, em geral, gosta de novidades, independente do produto que seja comercializado. 

Portanto, é válido optar, periodicamente, por produtos que saiam da zona de conforto da sorveteria, como novos sabores de sorvete, edições limitadas, novos formatos de picolés e outros. 

Quando o cliente entende que a sua empresa sempre está sempre inovando nos produtos, isso estimula a curiosidade e gera novas vendas. 

Dá para ganhar dinheiro com sorvete? 

Se você está com medo de abrir uma sorveteria por achar que não existe retorno, está incorreto. 

O sorvete é uma comida que é consumida diariamente pelos brasileiros, independente do horário. Existem consumidores que gostam de consumi-lo pela manhã, depois do almoço e até de noite. 

Por isso, o sorvete é um produto que gera lucro, já que é consumido constantemente. 

No entanto, o que faz com que uma sorveteria gere lucro de verdade, é a forma que o empreendedor investe. 

Se você investir na sua sorveteria da maneira certa, com certeza, você conseguirá conquistar mais lucro. 

Quer abrir uma sorveteria já com um nome de referência no mercado? Então, entre para o time de franqueados mais satisfeitos do segmento. Seja um franqueado Gela Boca!

Conclusão: lucro de uma sorveteria 

como calcular o lucro de uma sorveteria

O lucro de uma sorveteria dependerá de inúmeros fatores financeiros, sendo os principais os custos fixos e variáveis. 

A partir desses dois dados, é possível calcular o lucro de uma sorveteria diária, mensal ou anual. 

No entanto, esses números podem variar conforme alguns pontos, como porte da empresa, fluxo de vendas, investimento do empresário e outros.

Por isso, antes de abrir uma sorveteria, revise os pontos que foram ressaltados durante o artigo e saiba o quanto você estará disposto a investir no seu próprio negócio. 

No entanto, caso você queira abrir uma franquia já com um nome de referência no mercado de sorvetes e com todo o apoio necessário para tocar o negócio, pode contar com a Gela Boca! 

Deixe seu comentário